Publicada em 26/04/2011 - 11h35min   /  Autor:  Adércio Dias
Profissionais da Educação irão avaliar nova proposta do Governo

No ofício a direção do Sintero informou ao governo a insatisfação dos profissionais da educação com o anúncio de reajuste de 6%, visto que a categoria já acumula perdas salariais superiores a 34%.


Em resposta ao ofício encaminhado pelo Sintero sobre o resultado das assembleias realizadas em todas as Regionais, o governo do Estado encaminhou ao sindicato no final da tarde desta terça-feira, dia 25/04, uma contraproposta à reivindicação de reposição salarial. A proposta do governo será avaliada pela categoria em assembleia estadual marcada para esta quarta-feira, dia 27, em Porto Velho.

No ofício a direção do Sintero informou ao governo a insatisfação dos profissionais da educação com o anúncio de reajuste de 6%, visto que a categoria já acumula perdas salariais superiores a 34%.

Diante do argumento do governo de que a folha de pagamento não comportaria um índice maior, a direção do Sintero apresentou uma contraproposta aprovada pela categoria nas assembléias regionais realizadas no período de 12 a 15 de abril, de ampliação da gratificação dos professores para R$ 350,00 e de R$ 175,00 para os técnicos administrativos, utilizando, para isso, recursos específicos da educação, além do cumprimento do Termo de Compromisso assinado pelo governador Confúcio Moura.

Em resposta à contraproposta do Sintero, o governo apresentou uma outra proposta, que consiste na criação de novas gratificações.

Para os professores com contrato de 40 horas seria criada uma nova gratificação no valor de R$ 100,00. Para os professores com contrato de 20 horas a gratificação seria de R$ 50,00; valor idêntico à gratificação do Supervisor com contrato de 40 horas.

Para os professores em apoio à unidade escolar, incluindo os que estão em readaptação e os que estão lotados em biblioteca, salas de vídeo e em outros setores da escola, que atualmente não possuem gratificação, seria criada uma no valor de R$ 150,00.

Para os técnicos administrativos educacionais seria criada uma nova gratificação no valor de R$ 70,00.

Pela proposta do governo ficam mantidas as gratificações existentes e seria garantido que até julho de 2011 haverá uma definição quanto à forma de enquadramento dos profissionais da educação na lei 420 e uma discussão sobre a incorporação das gratificações

A direção do Sintero recebeu a contraproposta do governo e deixou bem claro que os valores serão apresentados à categoria em assembleia para uma avaliação, juntamente com o andamento das negociações visando ao cumprimento dos demais itens do Termo de Compromisso.

CONFIRA PROPOSTA NA ÍNTEGRA

COMENTÁRIOS

Nenhum Comentário Publicado. CLIQUE AQUI E SEJA O PRIMEIRO!

Postar comentários sobre esta matéria no FACEBOOK

Rua Getúlio Vargas, 2086 - Sala F
São Cristovão / Porto Velho - RO
Fone: 69 3229-0169 / 8439-0794
rondoniadinamica@gmail.com
© Copyright 2012 RONDÔNIA DINÂMICA COMÉRCIO E SERVIÇOS DE INFORMÁTICA LTDA