Oferta de empregos em Cacoal; mais um político assassinado no Estado e “listão” de favorecidos em Jirau cria expectativa



Morte –
O ex-vereador de Porto Velho, Pitico Vilela, eleito pelo PTB em 2004 foi assassinado a tiros na manhã desta sexta-feira (21), em Nova Califórnia, distrito de Porto Velho, onde morava. Pitico foi o primeiro vereador eleito por um distrito da capital. Ele se elegeu pelo PTB com 1.435 votos nas eleições de 2004. Porto Velho tem área territorial imensa, maior que vários estados e inúmeros países. Alguns distritos têm estrutura de município, mas nunca alguém tinha sido eleito por um deles. Pitico foi o primeiro.

Violência – Durante o seu mandato, Pitico foi preso, acusado de ter praticado homicídio no interior do Mato Grosso. Ele ficou preso no Urso Branco e na época, foi instalada comissão de inquérito, pelo vice-presidente, vereador Ted Wilson (DEM), para analisar a situação em razão da ordem de prisão preventiva cumprida contra Pitico Vilela. A violência contra políticos em Rondônia é notória. Nesse início de ano já foram assassinados o ex-prefeito de Ministro Andreazza, Neuri Persch, três dias, após deixar o cargo: Chico Pernambuco (PSB), no exercício do mandato e agora Pitico Vilela.

Havan – A Havan, loja de comércio varejista, com quase cem unidades instaladas em várias cidades do país deverá inaugurar mais uma em Rondônia. Cacoal se prepara para receber em junho próximo a sua loja de departamento e estão sendo oferecidas pelo menos na fase inicial 100 vagas número que deverá dobrar. Com a crise econômico-financeira mundial disponibilidade de empregos é uma ótima notícia. A partir da próxima segunda-feira (24) os interessados devem procurar o Sine-Cacoal. Não é necessário ter experiência.

Havan II – Em Rondônia já temos e estão sendo instaladas lojas da Havan em vários municípios, menos em Ji-Paraná. É difícil entender política e economicamente qual (ou quais) motivo está emperrando a instalação de uma das mais importantes empresas varejistas com a venda a preços justos de milhares de mercadorias. A sociedade deve se movimentar para saber o porquê não se tem interesse em abrir espaço para uma loja do porte da Havan, que oferece vantagens para o bolso de quem compra e ainda empresa em larga escala. É o fim da rosca...

Operação – Quem estava apreensivo com a possibilidade de uma operação da Polícia Federal no Estado levou um susto. É que desde ontem (20) quase 1.200 policiais militares estão atuando ativamente na capital e no interior do Estado desenvolvendo a Operação Tiradentes, que também está sendo realizada pelas PMs dos demais estados. Abordagens e ações ostensivas estão sendo realizadas com a finalidade de inibir a violência e a criminalidade, que preocupam a população. Oportuna, eficiente e objetiva a ação da PM. O povo agradece.

Respigo

Porto Velho vazia com o feriadão de hoje (21) em homenagem a Tiradentes. Aeroporto Jorge Teixeira e Rodoviária estão movimentados desde a última quarta-feira (19) +++ O pessoal reclama da crise econômico-financeira, mas não deixa de aproveitar os feriados. E a próxima semana também será mais longa, pois dia 1º (segunda-feira) é feriado nacional, Dia do Trabalho +++ É bem provável que a polícia de elite do Brasil esteja atuando em Rondônia na próxima semana. A Lava-Jato chegou ao Estado e as usinas de Santo Antônio e Jirau, no rio Madeira estão entre o escoadouro de propina da Construtora Odebrecht, envolvida até o talo em atos de corrupção +++ Alguns nomes já foram divulgados nas delações de diretores da construtora envolvendo Santo Antônio. Mas há informações que a “bomba” maior virá quando forem nominadas as “figurinhas carimbadas” de Jirau... 

Autor / Fonte: Waldir Costa / Rondônia Dinâmica

Leia Também

Comentários