O punhal da traição estava preparado para dois pré-candidatos ao governo do Estado

O cara

Atenção para uma notícia que certamente abalará a política de Rondônia, e que poderá inclusive repercutir em todo o Brasil: o deputado federal Expedito Neto (PSD-RO) ganhou o prêmio do Deputado do Ano. A premiação foi concedida pela Associação Comercial e Industrial de Presidente Médici (Acipm), entidade reconhecida pelos critérios utilizados para homenagear celebridades.

Troféu

O troféu “Pela Jegue” entregue a Expedito Neto muda tudo nas eleições deste ano. Ainda mais sendo ele agora bicampeão, já que foi homenageado pelo segundo ano consecutivo. Também foi homenageada a vereadora Todinha (pronuncia-se Tódinha), do mesmo partido do deputado. Abrindo outro parênteses, esclareço que a vereadora, cujo nome é Maria Custodio Novais, desenvolve um excelente trabalho, sendo benquista em Pimenta Bueno.

Sênior

Voltando a falar do Neto, que não se sabe por qual razão é chamado de Netto, se o rapaz continuar nesse ritmo ultrapassará o Júnior, alcançando o mesmo patamar do sênior. Ainda não se sabe quais foram suas ações em prol de Rondônia para ser homenageado, mas com toda certeza foram muitas. Vale lembrar que o jornal “Folha de Rondônia” recebeu homenagens da mesma instituição três anos, após ter sido fechado. Por um descuido, talvez a Acipm não tenha percebido isso.

Mãe Diná

Em se tratando de Expedito pai do Neto, o ex-senador deu uma de Mãe Diná e, na cara dura, disse que, se registrar a candidatura a governador, o senador Ivo Cassol (PP-RO) ganha no primeiro turno. Talvez o ex-senador não tenha o dom da previsão, caso contrário teria percebido que, se houvesse alguma ação judicial por compra de votos, perderia o mandato no Senado, ou que não venceria Confúcio Moura (PMDB) nas últimas eleições. A afirmação foi feita na presença do pré-candidato ao governo Maurão de Carvalho (MDB) e do governador Daniel Pereira (PSB).

Aproveitadores

Continuo dizendo que tem deputado federal que praticamente não traz recursos para Rondônia, através de emendas parlamentares e fica dando uma de bom moço, dizendo que votou contra o presidente Michel Temer. Eleitores antas não percebem que esse tipo de deputado não ajuda o Estado, fica jogando para a galera mas não faz gol. Não apresenta trabalho e fica querendo dizer que representa bem a população.

Maus políticos

Na campanha eleitoral, a população deveria acordar e colocar alguns políticos para correr à base de surra de fio. Em determinado município, tem vereador pilantra cheio de esquemas com aliados de um conhecido ladrão de dinheiro público. Os indícios de roubalheira estão escancarados. Se o prefeito bobear, pegam o cofre e levam para casa.

Esperança

Há esperança para Rondônia. O governador Daniel Pereira (PSB) percebeu a tempo que tinha recebido uma bomba relógio, e que se não tomasse as providências logo o salário do funcionalismo começaria a atrasar. É aquela estória do cidadão que pensou ter ganhado um carro potente, mas na verdade estava pilotando um Fiat 147, e como não tinha percebido estava disposto a participar de uma corrida.

Conspirações

A conscientização de Daniel Pereira deu uma reviravolta em uma conspiração política que estava em andamento, capitaneada por um deputado federal evangélico que é um “avião”. Parte da cúpula do PSB teve que baixar a bola e travar os contatos com o tal deputado. O punhal da traição estava preparado para dois pré-candidatos ao governo do Estado, nesses conchavos.

Autor / Fonte: Nilton Salina

Leia Também

Loading...